Início » INSS anuncia paralisação da perícia nesta terça e quarta-feira
DestaquePolítica

INSS anuncia paralisação da perícia nesta terça e quarta-feira

A+A-
Reset

A Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (ANMP) notificou o Ministro do Trabalho e Previdência para anunciar a realização da Mobilização Nacional de Advertência pela Valorização da Perícia Médica Federal, nesta terça e quarta-feira (8 e 9). A previsão é que 50 mil pessoas deixem de ser atendidas em todo o país, o que resultará no atraso do pagamento do benefício.

A categoria pede a fixação do número máximo de 12 atendimentos presenciais como meta diária; a recomposição salarial relativa às perdas inflacionárias de 2019 a 2022 (19,99%) e a promoção imediata de concurso público para a recomposição dos quadros da Carreira, cuja defasagem, de acordo com o sindicato, chega a 3 mil servidores. As exigências da categoria foram encaminhadas ao ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, na última quinta-feira (3).

A ANMP se reuniu com o ministro em agosto do ano passado e diz não ter as suas demandas atendidas. “Apesar das promessas feitas pelo Ministro de Estado, nenhuma ação foi tomada pela autoridade máxima do órgão e a situação caótica que assolava a categoria não apenas se manteve, como foi profundamente agravada”, conforme ofício enviado ao ministro.

Na última paralisação, realizada em 31 de janeiro, 25 mil perícias deixaram de ser realizadas. Com 2 dias parados, a expectativa é que sejam atingidos 50 mil atendimentos nesta semana. Aqueles que não forem atendidos devido à paralisação das atividades devem ter a perícia remarcada pelo próprio INSS e estará disponível para consulta a partir das 13h do dia seguinte ao cancelamento, no site ou aplicativo Meu INSS ou pelo telefone 135.


Cliente Arko fica sabendo primeiro

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00