Início » MEC quer fomentar cinemas acessíveis a surdos, cegos e autistas
Políticas Públicas

MEC quer fomentar cinemas acessíveis a surdos, cegos e autistas

A+A-
Reset

O Ministério da Educação, em parceria com a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) irá incentivar cinemas acessíveis para pessoas cegas, surdas e autistas em todo o Brasil. A Fundaj irá disponibilizar 20 filmes nacionais com estratégias de acessibilidade, tais como fone com audiodescrição para cegos, libras e legendas. 

A iniciativa visa contemplar as unidades da federação que queiram utilizar dos recursos e estratégias em cinemas e outros espaços públicos. Os filmes atendem todas as idades, desde desenhos infantis à filmes de diversos gêneros. 

“A ideia é trazer a tecnologia da Fundaj para todo o Brasil. […] Desejo que essa seja a primeira de muitas realizações do cinema inclusivo”, afirmou Abraham Weintraub, ministro da Educação. 

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00