Início » Definição sobre reajuste salarial deve avançar após divulgação do relatório bimestral de receitas
DestaqueGovernoMinistério da EconomiaPolítica

Definição sobre reajuste salarial deve avançar após divulgação do relatório bimestral de receitas

A+A-
Reset

O reajuste salarial a servidores públicos federais ainda é discutido nos bastidores do governo. O mais provável é de que seja concedido aumento linear de 5% a todas as categorias do funcionalismo, como tem defendido o presidente Jair Bolsonaro (PL). Também há possibilidade de aumento no ticket refeição.

Todos os detalhes devem ser ajustados a partir da divulgação do relatório bimestral de receitas e despesas, na sexta-feira (20). Na ocasião, o governo irá realizar uma coletiva de imprensa para divulgar detalhes sobre o caixa da União, o que ajuda o governo a definir novas prioridades com realocação de recursos, contingenciamento, cortes e execução do orçamento.

No Ministério da Economia, a avaliação é de que tudo depende do timing do presidente da República, que ainda não bateu o martelo sobre quando irá definir o aumento, o que pode ocorrer a qualquer momento. Pela Lei de Responsabilidade Fiscal, o reajuste precisa ser aprovado até 2 de julho. O reajuste precisa passar pelo Congresso. A Economia estima que o reajuste vai custar R$ 12,6 bi em 2023.

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00