Início » Definida candidata europeia para a direção do FMI
Internacional
A+A-
Reset

Definida candidata europeia para a direção do FMI

A búlgara Kristalina Georgieva, atual diretora-executiva do Banco Mundial, foi designada como a candidata europeia para dirigir o Fundo Monetário Internacional (FMI), informou o governo da França, que coordenava a negociação entre os 28 países da União Europeia em torno de um nome comum.

O nome de Georgieva terá ainda que ser referendado pelos demais integrantes do FMI. No entanto, a instituição é tradicionalmente comandada por um representante europeu, enquanto o Banco Mundial é liderado por um americano. Georgieva é economista e foi presidente interina do Banco Mundial.

Georgieva terá agora até o dia 6 de setembro para apresentar a candidatura oficialmente ao FMI, que quer ter um novo diretor-gerente até 4 de outubro. Espera-se que na votação haja um representante de países emergentes, que vêm reivindicando maior participação no comando das organizações financeiras internacionais.

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00