Início » Setor de serviços aumenta 0,4% em março, superando expectativas

Setor de serviços aumenta 0,4% em março, superando expectativas

Esse crescimento ocorreu após uma queda de 0,9% no setor de serviços em fevereiro ante janeiro

A+A-
Reset
DestaqueEconomia

Em março, o setor de serviços registrou um aumento de 0,4% em relação a fevereiro. Esse crescimento ocorreu após uma queda de 0,9% em fevereiro ante janeiro. Portanto, interrompendo três meses consecutivos de resultados positivos. Os dados foram divulgados, nesta terça-feira (14), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Setor de serviços

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Em comparação com fevereiro de 2020, antes da pandemia de covid-19, o setor de serviços está 12,1% mais alto, mas ainda 1,5% abaixo do ponto mais alto da série histórica, em dezembro de 2022.

Sem ajuste sazonal, o volume total de serviços apresentou uma queda de 2,3% em março de 2024 em relação ao mesmo mês do ano anterior. Contudo, o declínio aconteceu após dois meses consecutivos de resultados positivos.

No acumulado do primeiro trimestre deste ano, o volume de serviços teve uma expansão de 1,2% em comparação com o mesmo período de 2023. Porém, a taxa anualizada, que considera os últimos 12 meses, apresentou uma perda de dinamismo, passando de 2,2% em fevereiro para 1,4% em março de 2024, mantendo uma tendência descendente desde outubro de 2022.

Na análise de março em relação a fevereiro, as cinco atividades pesquisadas apresentaram os seguintes desempenhos: serviços prestados às famílias (0,6%); profissionais, administrativos e complementares (3,8%); informação e comunicação (4,0%); transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (0,3%).

Confira a íntegra

EconomiaIBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)O Brasilianistaserviços

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais