Início » Sabatina no Senado: Quem são os indicados de Lula para o BC
CongressoDestaqueEconomiaPolíticaSenado Federal

Sabatina no Senado: Quem são os indicados de Lula para o BC

A+A-
Reset

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado realiza nesta terça-feira (4) a sabatina dos diretores indicados ao Banco Central (BC). Gabriel Galípolo e Ailton Aquino devem assumir a diretoria de Política Monetária e a diretoria de Fiscalização, respectivamente.

A sabatina acontecerá após a reunião deliberativa da comissão, que terá início às 8h30 da manhã, com a tendência de aprovação dos nomes. Se aprovados, os nomes seguem para deliberação do Plenário da Casa Alta.

Essa será a primeira mudança na composição do Banco Central durante o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Os mandatos dos diretores são de quatro anos, com a possibilidade de recondução. Até 2026, Lula terá direito a decidir se reconduz ou se troca mais sete diretores, incluindo o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Conheça os indicados:

Gabriel Galípolo

Gabriel Muricca Galípolo é bacharel em Ciências Econômicas e mestre em Economia Política pela PUC São Paulo, instituição onde também foi professor de 2006 a 2012. Também é pesquisador sênior do Centro Brasileiro de Relações Internacionais (Cebri).

Iniciou na vida pública em 2007, como assessor econômico da Secretaria de Transportes Metropolitanos de São Paulo. Em 2008 assumiu a diretoria da unidade de Estruturação de Projetos da Secretaria de Economia e Planejamento de SP.

Teve forte atuação no mercado de 2017 a 2021, período em que presidiu o Banco Fator. Integrou a equipe de transição do governo Lula e o segundo escalão do governo, quando foi nomeado Secretário Executivo do Ministério da Fazenda de Fernando Haddad.

Braço direito do ministro da Fazenda, Galípolo foi nomeado com a missão de aproximar a equipe econômica do governo e o Banco Central (BC). A relação se encontra desgastada devido a críticas da ala política do governo Lula sobre a taxa Selic e a atuação de Roberto Campos Netto à frente da autoridade bancária. Se aprovado, substituirá Bruno Serra Fernandes.

Ailton Aquino

Ailton Aquino Santos é graduado em Ciências Contábeis e Direito pela Universidade do Estado da Bahia e UDF Centro Universitário, respectivamente. É pós-graduado em ciências contábeis e especializado em contabilidade internacional, engenharia econômica de negócios e direito público.

Servidor de carreira do Banco Central desde 1998, Aquino será o primeiro homem negro a integrar a diretoria da instituição. Atualmente é o auditor-chefe do BC, já tendo ocupado os cargos de chefe do departamento de contabilidade, orçamento e execução financeira. O indicado vai substituir Paulo Sérgio Neves de Souza na diretoria de Fiscalização.

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00