Início » Bolsonaro diz que não se responsabiliza pelos encargos trabalhistas
Coronavírus
A+A-
Reset

Bolsonaro diz que não se responsabiliza pelos encargos trabalhistas

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na manhã desta sexta-feira (27) que há um artigo na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) em que “todo empresário, comerciante, etc. que foi obrigado a fechar seu estabelecimento por decisão do respectivo chefe do Executivo, os encargos trabalhistas quem paga é o governador e o prefeito”.

A declaração volta a pressionar os governadores que resistem em flexibilizar as medidas de isolamento orientadas pela Organização Mundial da Saúde. O mandatário ainda afirmou que o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, irá reabrir as atividades econômicas na próxima segunda-feira (30). “Eu li uma notícia que dizia que o Ibaneis vai abrir tudo segunda-feira, é isso? Olha a minha cara de tristeza aqui”, afirmou Bolsonaro.

Ibaneis, que já foi advogado trabalhista, no entanto, nega a informação e diz que conhece bem as leis. A respeito do artigo da CLT citado por Bolsonaro, afirma que “esse aí eu não li em lugar nenhum”.  O governador disse que continua firme no cuidado do povo e que tem analisado a  todos os momentos as curvas de infecção e seguindo as orientações dos especialistas. Segundo ele, ainda não há nenhum indicativo de que chegamos no pico da infecção.

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais

-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00