Início » Marco legal das eólicas offshores pode avançar na Câmara

Marco legal das eólicas offshores pode avançar na Câmara

A+A-
Reset
Câmara dos DeputadosCongressoDestaqueEconomiaNotíciasPolítica

A Câmara dos Deputados pode votar nesta semana o requerimento de urgência do Projeto de Lei (PL) 11247/18, que estabelece a base legal para instalação de usinas eólicas no alto mar.

Pelo texto, de autoria do Senado, as plataformas poderão ser instaladas a até 22 quilômetros da costa e na zona econômica exclusiva, que vai até 370 quilômetros. O PL tem uma série da apensados (proposições que tramitam conjuntamente), como o PL 576/2021, de autoria de Jean Paul Prates, ex-senador que hoje é presidente da Petrobras. Aprovado no Senado no ano passado, ele foi relatado por Carlos Portinho (PL-RJ), líder do PL, hoje na oposição.

O texto permite a concessão do direito de uso de bens da União para geração de energia ou a outorga mediante autorização.

Com a aprovação da urgência, o texto poderá ser votado diretamente no Plenário da Câmara, dispensando a tramitação nas comissões. O relator na Casa é o deputado Zé Vitor (PL-MG).

O marco legal para a geração de energia eólica offshore é aguardado pela Petrobras para dar prosseguimento a projetos. Em março, a estatal assinou uma carta de intenções que amplia a cooperação entre as empresas para avaliar a viabilidade técnico-econômica e ambiental de sete projetos de geração de energia eólica offshore na costa brasileira, com potencial para gerar até 14,5 GW.

Câmara dos Deputados

Usamos cookies para aprimorar sua experiência de navegação. Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o uso de cookies. Aceitar Saiba mais