De acordo com números que foram divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Brasil terá 39,21% a mais de brasileiros aptos a votar no exterior nas eleições deste ano.

Segundo os dados, 697 mil eleitores poderão votar para presidente da República e vice, única modalidade de votação permitida para quem está fora do país. Em 2018, o país tinha 500 mil eleitores nessa situação.

O prazo para adquirir o direito de votar no exterior terminou em maio.