Presidente da Câmara, dep. Arthur Lira (PP-AL). Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Tradicionalmente, o Congresso Nacional realiza duas semanas de esforço concentrado em ano de eleições gerais. Este ano, a primeira acontecerá entre os dias 1 e 5 de agosto, segundo o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). Caso a pauta não tenha sido esgotada, nova semana pode ser convocada na primeira semana de setembro.

Entre os temas que poderão ser analisados, além de medidas provisórias, está proposta relacionada para tratar da cobertura obrigatória dos planos de saúde às terapias incluídas na lista da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). É o chamado rol taxativo. Uma proposta está sendo discutida por grupo de trabalho da Câmara.

Lira também criticou a demora do Senado na análise do projeto de lei que trata dos jogos de azar, já aprovado pelos deputados. De acordo com o presidente da Câmara, o projeto é fundamental para o financiamento do piso de enfermagem aprovado pelo Congresso Nacional.