Haddad
Foto Paulo Pinto/Agencia PT

Com a resolução do impasse entre PT e PSB que levou Márcio França (PSB) a anunciar que será candidato ao Senado, Fernando Haddad deve divulgar na próxima semana quem deve ocupar a vaga de vice na chapa ao Palácio dos Bandeirantes. Alguns nomes disputam a posição. Entre eles está o ex-prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB). Internamente, outros nomes também são cotados, como o do presidente do PSOL, Juliano Medeiros. Entre membros do PT paulista consultados pela Arko, a avaliação geral é que Donizette tem mais chances de ser o escolhido, mas que a decisão final cabe ao próprio Haddad.

Procurado pela Arko, Donizette disse que ainda não recebeu um convite oficial, mas tem recebido informações de que a escolha é provável. “Eu fui prefeito de Campinas dois mandados e tenho uma boa relação no interior e o Haddad é forte na capital. Seria uma complementaridade, uma boa junção”, disse.

Autor

  • Jornalista brasiliense formado pela Universidade de Brasília (UnB). Tem passagem como repórter pelo Correio Braziliense, Rádio CBN e Brasil61.com. No site O Brasilianista cobre economia e política.