O candidato ao governo de São Paulo, Fernando Haddad, ao lado de Geraldo Alckmin, ex-governador de SP e atual candidato a vice-presidente da chapa Lula. Foto: reprodução/@Haddad_Fernando

A pesquisa do Datafolha sobre a disputa ao Palácio dos Bandeirantes aponta que o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) tem uma vaga bem encaminhada para o segundo turno, enquanto o governador de São Paulo (SP), Rodrigo Garcia (PSDB), e o ex-ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos) devem disputar que será o antagonista de Haddad.

Embora o ex-governador Márcio França (PSB) também apareça bem posicionado na sondagem, a tendência é que França concorra ao Senado, principalmente após a desistência do apresentador da TV Bandeirantes, José Luiz Datena (PSC).

No primeiro cenário testado pelo Datafolha, Fernando Haddad lidera com 34% das intenções de voto. Garcia e Tarcísio aparecem na segunda posição com 13% cada um. Os demais candidatos somam 10%. Brancos, nulos e indecisos atingem 29%.

No segundo cenário, Haddad aparece com 28%. Na segunda posição, considerando a margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos, estão tecnicamente empatados Márcio França (16%), Tarcísio (12%) e Garcia (10%). Os demais candidatos somam 8%. Brancos, nulos e indecisos atingem 25%.

O candidato mais rejeitado neste momento é Haddad (35%). Em seguida aparecem França (20%), Tarcísio (16%) e Garcia (16%).