Será a primeira vez que Joe Biden (esquerda), presidente dos Estados Unidos, se reunirá com Jair Bolsonaro (direita), presidente do Brasil. Foto: Flickr/Todd Jacobucci/ Palácio do Planalto

A Cúpula das Américas, que reunirá líderes de todo continente começa nesta segunda-feira (6) e irá durar até o dia 10. Esta edição é sediada em Los Angeles, nos Estados Unidos, e o governo do país teve a atribuição de escolher os convidados para o evento.

Cuba, Nicarágua e Venezuela não receberam convites, o que provocou instabilidade diplomática no continente, e incerteza da presença de alguns líderes.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PL), deve viajar à Califórnia para participar da cúpula e reunir-se com o presidente norte-americano, Joe Biden, entre os dias 6 e 10 de junho.

Algumas pautas devem ser priorizadas nas discussões entre os líderes e ministros, em especial sobre o tema do evento: “Construindo um futuro sustentável, resiliente e igualitário”. Os cinco pilares das discussões estabelecidos pelos EUA são: Saúde e Resiliência nas Américas, Futuro Verde, Aceleração da Transição para Energia Limpa, Transformação Digital e Governança Democrática.

Segue a agenda dos líderes a ser cumprida no decorrer do evento:

Quarta-feira (8 de junho)

• Reunião Ministerial do Grupo de Revisão de Implementação da Cúpula: Será liderada pelo secretário de estado dos Estados Unidos, Antony J. Blinken. O grupo de revisão é responsável por reportar aos ministros de relações exteriores dos países o progresso alcançado nas medidas estipuladas pelas Cúpulas anteriores. Nesta reunião, ministros também devem comparecer e revisar as decisões de edições anteriores da Cúpula das Américas;
• Cerimônia Inaugural da Cúpula das Américas, oferecida pelo presidente e primeira-dama dos Estados Unidos, Joe e Jill Biden.

Quinta-feira (9 de junho)

• Sessão de abertura do Plenário dos Líderes: o plenário é o ambiente onde as principais discussões entre os líderes ocorrem oficialmente, seguindo as pautas do evento;
• Jantar dos líderes: oferecido pelo presidente e primeira-dama dos EUA é uma reunião entre os líderes sem pautas oficiais, onde algumas discussões podem ocorrer;
• Recepção dos ministros: oferecida pelo secretário de estado dos EUA;
• Recepção dos delegados: oferecida pela cidade de Los Angeles.

Sexta-feira (10 de junho)

• Segunda sessão do Plenário dos Líderes;
• Mesas redondas dos líderes com representantes da sociedade civil, do setor privado e da juventude;
• Almoço e pausa dos líderes: oferecidos pelo presidente dos Estados Unidos;
• Almoço dos ministros;
• Terceira sessão do Plenário dos Líderes;

Além dos eventos reservados aos líderes dos países e delegações diplomáticas, outras reuniões acontecerão nos dias de congresso: Nono Fórum da Sociedade Civil (6 a 8 de junho); Quarta Cúpula dos CEOs das Américas (7 a 9 de junho) e o Fórum da Juventude das Américas (8 e 9 de junho).