Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

A executiva do MDB realiza reunião virtual, nesta terça-feira (24), para deliberar sobre as alianças para a disputa da Presidência da República. Segundo nota do partido, o presidente nacional da legenda, Baleia Rossi, vai comandar o encontro que terá presença dos representantes dos diretórios estaduais.

Apesar do partido ter pré-candidatura própria, no Nordeste, por exemplo, os palanques devem apoiar o ex-presidente Lula, candidato do PT. Há também apoiadores do presidente Jair Bolsonaro na legenda, o que pode levar o partido a liberar seus candidatos sobre quem apoiar na corrida presidencial.

O PSDB também tinha uma reunião, prevista para esta terça-feira (24), mas foi cancelada pelo presidente da legenda após pedido dos líderes na Câmara e no Senado, Adolfo Viana e Izalci Lucas, respectivamente.

“A reunião da executiva foi cancelada, pois seria uma reunião com a presença do ex-governador João Doria, no qual trataríamos das deliberações do encontro que tivemos com o Cidadania e o MDB nos últimos dias. Após o gesto de grandeza de Doria, esta reunião se tornou inócua naturalmente. O presidente Bruno Araújo vai remarcar a reunião para seguirmos alinhados.” declarou Viana em nota.

O adiamento da reunião da executiva do PSDB, inclusive, teve como objetivo dar tempo para que o MDB resolva suas questões internas e anuncie oficialmente o nome de Simone Tebet como candidata ao Planalto. A reunião do PSDB foi remarcada para o dia 2 de Junho, quando pode ser anunciado o apoio do partido ao nome de Tebet.

Autores

  • Editora-chefe na Arko Advice, desde fevereiro de 2022. Antes, atuou como repórter de política na CNN Brasil. Foi correspondente internacional em Nova Iorque pela Record TV. Atua em redação há 18 anos.

  • Jornalista brasiliense formado pela Universidade de Brasília (UnB). Tem passagem como repórter pelo Correio Braziliense, Rádio CBN e Brasil61.com. No site O Brasilianista cobre economia e política.