Marcelo Camargo/Agência Brasil

Nos bastidores do Congresso, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), tem dito a interlocutores que a PEC dos Quinquênios será votada dentro de alguns dias.

A PEC 63/2013 define que magistrados e membros do Ministério Público recebam bônus salarial de 5% a cada cinco anos de trabalho, por até sete quinquênios cumpridos.

A ideia é que a votação aconteça em sincronia com a análise do PL 6726/16, que cria limitações aos pagamento de supersalários que extrapolam o teto salarial do funcionalismo público.

A estimativa é que o projeto de lei gera economia de R$ 2,6 bilhões a R$ 3 bilhões anuais nas contas públicas, de acordo com projeções usadas pela equipe do relator do texto na Câmara, o deputado Rubens Bueno (Cidadania-PR).

Autor

  • Jornalista brasiliense formado pela Universidade de Brasília (UnB). Tem passagem como repórter pelo Correio Braziliense, Rádio CBN e Brasil61.com. No site O Brasilianista cobre economia e política.