Dep. Hildo Rocha (MDB-MA). Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O deputado Hildo Rocha (MDB-MA) foi eleito na quarta-feira (04) presidente da Comissão de Viação e Transportes (CVT) da Câmara para suceder o deputado catarinense Carlos Chiodini, também do MDB. O mandato tem duração de um ano. Por essa comissão temática tramitam todas as proposições que tratam de trânsito e de transporte rodoviário, ferroviário e aéreo, além de concessões e privatizações de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos e de autorizações para exploração desses serviços.

A comissão também tem competência para promover audiências sobre esses temas com a presença de técnicos do Executivo e representantes de empresas. Tradicionalmente, a CVT é comandada por deputados do eixo Minas-Rio-São Paulo, a maioria deles do MDB. Desde o ano passado, porém, houve mudança na indicação do nome.

Chiodini foi o primeiro deputado de Santa Catarina a dirigir a comissão. O mesmo ocorreu agora com Hildo Rocha, deputado em segundo mandato, após ter sido prefeito por duas vezes de Catanhede (MA).

Na eleição repetiu-se situação verificada no ano passado, quando Gutemberg Reis (MDB-RJ), candidato favorito, foi preterido na indicação do partido. Hildo Rocha foi eleito por unanimidade (chapa única). Gutemberg é irmão de Washington Reis, que já presidiu a CVT em duas oportunidades e era prefeito de Duque de Caxias (RJ) até março, quando renunciou para disputar uma cadeira no Senado. Ele terá pela frente o ex-jogador Romário (PL), com apoio do presidente Jair Bolsonaro. Washington Reis consolida-se como grande cacique do partido no estado.