Foto: Divulgação/TSE

A pesquisa divulgada nesta quinta-feira (14) pelo PoderData aponta que a avaliação negativa (ruim/péssima) do governo Jair Bolsonaro cresceu três pontos percentuais em relação à sondagem realizada de 27 a 29 de março e soma 53%. A avaliação positiva (ótimo/bom), por outro lado, ficou estável em 29%. E o índice regular caiu de 19% para 15%. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Interessante observar que a intenção de voto em Jair Bolsonaro (35%) é superior à avaliação positiva do governo (29%). Esse é um dado positivo para o presidente, já que mesmo com o governo tendo uma avaliação negativa superior a positiva, Bolsonaro mostra competitividade.

No entanto, Bolsonaro segue com o desafio de reduzir a desaprovação de seu governo. A melhora da popularidade é fundamental, principalmente, para o segundo turno.