Em agosto, o presidente da República, Jair Bolsonaro assina o termo que dá posse ao Senhor Onyx Lorenzoni como Ministro de Estado do Trabalho e Previdência. Foto: Marcos Corrêa/PR

 

Mais um pacote de ações será divulgado pelo governo. Desta vez, as medidas são encabeçadas pela pasta de Onyx Lorenzoni. Além da antecipação do décimo terceiro salário a aposentados do INSS; estão previstos novos saques do FGTS; a criação do microcrédito digital; e a ampliação do crédito consignado.

A divulgação pelo Ministério do Trabalho e Previdência, segundo apurou O Brasilianista, será nesta quinta-feira (17). Os cálculos do governo são de que as ações devem injetar cerca de R$ 150 bilhões de reais na economia. Fontes do governo afirmam que, além dessas, novas medidas devem ser anunciadas nas próximas semanas.

A antecipação do 13° salário deve beneficiar cerca de 31 milhões de segurados e injetar na economia cerca de R$ 56 bilhões. O pagamento do 13º para aposentados e pensionistas do INSS costuma ser feito nos meses de agosto e novembro, mas desde a pandemia da Covid 19, o pagamento vem sendo antecipado para o primeiro semestre. A expectativa é de que ocorra em abril e maio.

Bolsonaro também irá autorizar o novo saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) no valor de até R$ 1 mil. O objetivo é beneficiar 40 milhões de trabalhadores com saldo no FGTS e despejar na economia cerca de R$ 30 bilhões.

Colaborou: Rachel Vargas

Autor