Foto: Ministério da Agricultura

O Banco do Brasil lançou nesta segunda-feira (17) o Circuito de Negócios Agro, uma iniciativa que libera crédito e assistência para potencializar negócios do setor. Presente no evento, o presidente da República, Jair Bolsonaro, celebrou o recorde de R$ 50 bilhões para o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e afirmou que o governo federal “praticamente anulou” as ações do Movimento Sem Terra (MST) no setor. “Tiramos dinheiro público de ONG’s que financiavam o MST”, disse.

O presidente do Banco do Brasil, Fausto Ribeiro, destacou que, até setembro de 2021, o agronegócio recebeu R$226 bilhões por meio do incentivo da parceria com o Governo. “O que equivale a quase 60% de todo mercado agro”, disse. A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, que agradeceu a parceria com o Banco.

O Circuito prevê a divulgação de produtos, serviços e inovações tecnológicas ao setor, além de levar assessoria e treinamento aos produtores rurais. O objetivo é reunir parceiros e promover inovações tecnológicas, além de assessorar e treinar produtores. O ministro da Economia, Paulo Guedes, e o vice-presidente, Hamilton Mourão, acompanharam o evento.

Três carretas adaptadas para atuar como agências móveis do Banco do Brasil percorrerão 60 mil quilômetros, entre janeiro e dezembro de 2022, visitando as principais praças do agronegócio no país e fomentando a geração de negócios para o setor.

Nos quase 600 municípios onde as Carretas irão passar, serão montadas, com a participação de parceiros (revendas de máquinas e de insumos, empresas de tecnologia agrícola, empresas de telecomunicações e outras ligadas ao segmento), feiras agropecuárias, além da oferta de capacitação técnica e assessoria especializada aos quase 500 mil produtores rurais clientes do BB dessas regiões.


Cliente Arko fica sabendo primeiro