Os governadores de São Paulo, João Doria, e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, em convenção do PSDB. Foto: Divulgação/PSDB
Os governadores de São Paulo, João Doria, e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, em convenção do PSDB. Foto: Divulgação/PSDB

O diretório do PSDB de Goiás (GO) anunciou apoio ao governador do Rio Grande do Sul (RS), Eduardo Leite, que agora tem 10 estados ao seu lado: GO, RS, Alagoas (AL), Amapá (AP), Bahia (BA), Minas Gerais (MG), Paraná (PR), Ceará (CE), Santa Catarina (SC) e Paraíba (PB).

Apesar do diretório de GO ter optado por Leite, vale registrar que o ex-governador Marconi Perillo, principal líder tucano no Estado, ainda não se posicionou nas prévias.

O governador de São Paulo (SP), João Doria, por sua vez, além do apoio do diretório de seu estado, conta com o apoio dos tucanos do Acre (AC), Distrito Federal (DF), Pará (PA) e Tocantins (TO). E o ex-prefeito de Manaus (AM) Arthur Virgílio Neto é apoiado apenas pelo Amazonas (AM).

Embora a disputa interna no PSDB não esteja definida, Eduardo Leite vai consolidando sua vantagem. Hoje, Leite tem o dobro de apoio de Doria entre os diretórios do partido: 10 a 5.

Em desvantagem, ontem (04), o governador paulista admitiu que poderia desistir da candidatura em favor da união da terceira via. Por ora, aliados de João Doria descartam que ele possa desistir da disputa com Leite, marcada para novembro.


Cliente Arko fica sabendo primeiro

Assine o Arko Private, serviço Arko para pessoa física, e tenha acesso exclusivo a um canal privado de interatividade e alertas em tempo real, além de relatórios, Lives Exclusivas e eventos especiais com figuras notáveis da nossa rede de contatos.