As empresas de eventos devem ter à disposição R$ 1 bilhão em crédito para socorrer o setor, por meio do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).
Foto: Divulgação/Agência Brasil

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) realizou em dezembro uma pesquisa com mais de duas mil pessoas sobre as percepções dos brasileiros em relação à indústria. O resultado da pesquisa ‘Retratos da Sociedade Brasileira: indústria brasileira na visão da população’ demonstrou altos índices de priorização da indústria e algumas mudanças na percepção em relação aos setores produtivos.

Mais de 90% dos entrevistados concordaram, total ou parcialmente, que o setor industrial é fundamental para o crescimento do país e que é necessário mais investimento na área. Além disso, houve consenso em relação à relevância da indústria para criação de empregos, crescimento econômico e inovação.

Em relação à competitividade, 85% dos entrevistados entende que o setor industrial sofre com custos elevados e 60% concorda, total ou parcialmente, que a indústria brasileira está desaparecendo. A pesquisa também perguntou sobre a percepção dos empregos na área da indústria, tendo o resultado de que 80% das pessoas encorajariam os seus filhos a trabalharem no setor.

A mesma pesquisa foi realizada há quatro anos atrás e houve mudanças na percepção sobre os setores. Em 2014, a indústria era a área preferida para início de atuação profissional, com 23%, já em 2020 o setor cai para segundo lugar, com 16% das escolhas, sendo ultrapassado pelo comércio, com 22%.

Em ambos os anos a indústria foi eleita como o setor mais importante para o crescimento econômico do país, porém houve queda de 33% para 24% dos entrevistados que priorizaram o setor. Ao passo que, no mesmo tópico, houve um aumento de 5% do setor agro, que foi de 17% para 22%, figurando o segundo lugar em ambos os anos. A percepção sobre empregos no setor industrial melhorou, com um aumento de seis pontos percentuais em relação à afirmação sobre encorajar que os filhos trabalhem na área.