Foto: Divulgação/Governo de São Paulo

O secretário da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse que os dados da eficácia dos testes da CoronaVac realizados no Brasil serão divulgados amanhã (12). Gorinchteyn concedeu entrevista à GloboNews nesta segunda-feira (12). O secretário disse que os dados “estão em posse do Butantan e da agência reguladora, a Anvisa, e dessa maneira saberemos todos amanhã essa informação que é de fundamental importância”.

Na quinta-feira, o governo de São Paulo anunciou que de cada cem voluntários que receberam a dose da CoronaVac que contraíram o vírus, 22 tiveram apenas sintomas leves, o que representa um índice de eficácia de 78% para casos leves. Também foi anunciado que não houve casos graves (incluindo mortes) e moderados entre os indivíduos que receberam o imunizante.

Na Indonésia, dados preliminares no país apresentaram uma eficácia de 65,3% para a vacina. O imunizante recebeu a aprovação para o uso emergencial nesta segunda-feira e o presidente do país, Joko Widodo, deve receber a primeira dose na quarta-feira (13). Especialistas calculam que a eficácia global da vacina no Brasil deve ficar pouco acima dos 60%.

No sábado (9), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) disse que o Instituto Butantan entregou documentação incompleta dos testes feitos no país. O Butantan respondeu que a solicitação seria prontamente atendida. O governo de São Paulo afirma que a previsão para o início da vacinação será dia 25 de janeiro, mas disse que poderá começar assim que as vacinas sejam aprovadas e distribuídas.