Foto: Andrew Kelly/Reuters

Em pesquisa global realizada pelo Instituto Ipsos, a avaliação dos brasileiros sobre os Estados Unidos em época de pandemia de Covid-19 é mais elevada do que a dos próprios norte-americanos sobre seu país. O país que melhor avaliou os EUA foi a Índia, seguida por Polônia, Israel e Brasil. A autoavaliação dos americanos ficou em quinto lugar no ranking proposto pelo Ipsos.

O estudo “How the United States compares with other countries: a global survey” foi realizado com entrevistados de 29 países, que avaliaram o país em 13 atributos diferentes, passando por questões sociais, econômicas, políticas, entre outras.

O governo polêmico de Donald Trump não foi suficiente para diminuir a admiração dos brasileiros pela potência global, conhecida com destino de imigração de muitos brasileiros que buscam o “American dream” ou que vão para lá investir e comprar imóveis.

Entrevistado para comentar o assunto, o diplomata brasileiro Rubens Ricupero não se surpreendeu com o resultado – “isso é muito antigo e tem se reforçado nos últimos tempos”, afirmou Ricupero, que também disse que “o soft power americano é muito forte”, em referência à proximidade dos elementos culturais norte-americanos a que a população brasileira é exposta desde tenra idade.