REUTERS/Adriano Machado

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que não vê grandes chances do governo privatizar quatro estatais até o fim do ano. “Eu não sou otimista na possibilidade de aprová-las neste ano”, desse Maia.

Para o deputado, o motivo é o adiamento das eleições municipais para novembro. “A eleição terminando no final de novembro o tema da privatização acaba ficando para o pós-eleição. E pós-eleição, faltando 30 dias para o ano acabar, eu acho muito difícil”, completou.

A fala de Maia se deu em entrevista ao canal do historiador Marco Antonio Villa no YouTube, na sexta-feira (7).