Foto: Ian Langsdon / EPA - EFE

Estimativas preliminares indicam que a economia da zona do euro registrou a contração mais expressiva da história no segundo trimestre de 2020. Entre abril e junho, o Produto Interno Bruto (PIB) encolheu 12,1% na comparação com o trimestre anterior. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (31) pela Eurostat.

A expectativa do mercado era de uma contração de 12%. No trimestre passado, a queda do PIB foi de 3,6%. A queda recorde foi registrada em meio às paralisações provocadas pelas medidas de combate à pandemia da COVID-19.

A Espanha foi o país com o pior resultado: sua economia encolheu 18,5% no trimestre. Outros países que tiveram contrações consideráveis foram a Itália (-12,4%), a França (-13,8%) e a Alemanha (10,1%).