Foto: Lukasz Cynalews/Agência Gazeta

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil atingiu nesta quinta-feira (16) mais de 2 milhões de casos confirmados de coronavírus. São 2.012.151 pessoas infectadas com o vírus, sendo 45.403 confirmações nas últimas 24 horas. Ao todo, foram 76.288 vidas perdidas, sendo 1.322 no último dia. Faz menos de 30 dias que o país confirmou o milionésimo infectado. Houve um aumento de 36% das mortes por Covid-19 na região Sul do país e de 26% no Centro-Oeste.

O primeiro milhão de casos confirmados da doença levou quatro meses para ser alcançado. O Brasil é um dos países que aplicou menos testes para detectar o vírus. Segundo a pasta da Saúde, até o início de julho o país havia realizado 13,7 testes para cada mil habitantes. A Organização Mundial da Saúde informa que há suspeita de elevada subnotificação.

O Chile, que tem dez vezes menos mortes que o Brasil, testou quatro vezes mais a população. Os dados internacionais foram levantados pela Universidade de Oxford, que não atualiza as informações sobre o Brasil por conta da falta de informações prestada pelo governo federal.

De acordo com a Universidade Johns Hopkins, o Brasil, Estados Unidos e a Índia são os únicos países que chegaram as sete casas de confirmados. Os EUA tem 3,5 milhões de casos da doença e a Índia atingiu 1 milhão ontem.