Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta quinta-feira (25), a nomeação do professor Carlos Alberto Decotelli da Silva para ocupar o cargo de ministro da Educação, que anunciou demissão na semana passada.

Decotelli é o primeiro ministro negro do governo Bolsonaro e será o terceiro ministro da educação em menos de um ano e meio. O novo ministro é oficial da reserva da Marinha e atuou como professor da Escola de Guerra Naval, no Centro de Jogos de Guerra e foi presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) no ano passado. Também é professor da Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro.

A escolha demonstra uma mudança brusca no jogo político de Bolsonaro, uma vez que a base ideológica do governo ligada à Olavo de Carvalho tem perdido espaço para indicações da ala “moderada” dos militares. A expectativa é que Decotelli seja mais flexível para articular com entidades da Educação que não apoiam o governo.