Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que espera uma proposta do governo sobre a prorrogação do auxílio emergencial de R$ 600 para iniciar o debate sobre a temática no Congresso. Maia participou nesta quinta-feira (4) de coletiva de imprensa.

“A gente sabe das dificuldades, entende a preocupação do governo e gostaria de ter uma posição oficial do governo. Que ele encaminhe a matéria ao Parlamento para que a gente possa fazer o debate transparente”, disse.

O governo sinalizou que há a possibilidade de estender o benefício por mais duas parcelas, mas com o valor reduzido. Inicialmente, o chamado “coronavoucher” era de R$ 600 reais, previsto por três meses.