Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

O Procurador-Geral da República, Augusto Aras, apresentou ontem (26) o relatório das suas atividades em sete meses de gestão. Segundo o documento, entre outubro de 2019 e abril de 2020, foram 12.296 manifestações do gabinete destinadas aos Tribunais Superiores e órgãos externos, como a Polícia Federal e ministérios.

Considerando as mais de 12 mil manifestações e os dias úteis dos 7 meses, foram, em média, 93 peças por dia e 69 pessoas denunciadas. Além de 50 novas frentes de investigação, 9 ADIs propostas, 19 medidas cautelares e 744 recursos, bem como dezenas de solicitações de informação despachadas.

Também foram apresentadas as ações de enfrentamento ao coronavírus, como a destinação de recursos de multas e acordos para aquisição de insumos e equipamentos para o atendimento da população. Com essas medidas, foram destinados R$ 2,5 bilhões.

Com informações do Migalhas