Foto: MVS.GOV.UA

O embaixador da China em Israel, Du Wei, foi encontrado morto em sua residência oficial na manhã de domingo, disse uma porta-voz do Ministério de Relações Exteriores de Israel à CNN.

Nesta fase, a morte do homem de 57 anos não está sendo tratada como suspeita. A polícia está fora da residência do embaixador em Herzliya – ao norte de Tel Aviv – como parte do procedimento padrão, disse a porta-voz.

Sua morte ocorre menos de uma semana depois que o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, visitou Jerusalém, criticando abertamente as ações da China durante a pandemia de coronavírus, além de pedir aos líderes israelenses que parem de assinar grandes acordos de infraestrutura e comunicação com empresas chinesas.

O embaixador Du assumiu seu papel atual em Israel em fevereiro de 2020, de acordo com a página da embaixada, enquanto a pandemia de coronavírus estava varrendo o mundo. Ele escreveu em um artigo no Jerusalem Post em meados de março que ele imediatamente teve que entrar duas semanas de auto-quarentena obrigatória em sua chegada.