Tomaz Silva/Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, autorizou nesta segunda-feira (30) a atuação da Força Nacional para participar das ações de prevenção e combate à pandemia do novo coronavírus. A portaria estabelece que os agentes poderão ajudar os profissionais da área de saúde para que possam atender as pessoas com suspeita de estarem infectadas.

Dentre as ações permitidas estão o reforço das medidas policiais de segurança que garantem o funcionamento dos centros de saúde e o armazenamento de insumos médicos e farmacêuticos, além de gêneros alimentícios e produtos de higiene. A Força Nacional também poderá ser usada para auxiliar no controle sanitário em portos, aeroportos, rodovias e centros urbanos.

A medida vigora inicialmente por 60 dias, até o dia 28 de maio, podendo ser prorrogada mediante necessidade.