Foto: Mikhail Klimentyev/Pool Sputnik Kremlin/Via AP

Os presidentes da Rússia, Vladimir Putin e da Turquia, Recep Tayyip Erdogan se encontraram nesta quinta-feira (5) em Moscou para tentar buscar soluções para acabar com os confrontos no noroeste da Síria. Ambos países, aparentemente, evitam um confronto aberto, mas conflitos de interesses dificultam a negociação.

O país está em guerra civil desde 2011 e a Rússia apoiou o presidente sírio, Bashar al-Assad, enquanto a Turquia se colocou ao lado dos rebeldes. Em 2018 houve um acordo entre o governo em Ancara, capital turca, com os russos para instalar postos de observação em Iblib para que fosse uma zona desmilitarizada. No entanto, o governo sírio avançou sobre a área nas últimas semanas.

Tropas da Turquia foram enviadas à Iblib para combater o exército da Síria. Uma ofensiva da Síria apoiada pela Rússia contra os rebeldes resultou na fuga de 1 milhão de pessoas. A maioria fugiu para a Turquia. 

Compartilhe