Foto: Arquivo/Reuters

As últimas avaliações a respeito do projeto da reforma administrativa estão sendo feitas pelo presidente Jair Bolsonaro. A equipe econômica sugeriu uma Proposta de Emenda à Constituição que atinge servidores dos Três Poderes.

Segundo o texto da equipe econômica, juízes e parlamentares devem ficar fora das mudanças. O ministro da Economia, Paulo Guedes e sua equipe, acreditam que todos os servidores deveriam entrar na reforma, incluindo magistrados e parlamentares, para dar exemplo à nação de que os privilégios não serão mantidos.

Os investidores estão ansiosos para a demonstração de força política de Paulo Guedes. Ainda não se sabe ao certo o quanto Bolsonaro irá aderir a reforma apresentada, mas a expectativa é que a  PEC possa ser encaminhada rapidamente ao Legislativo.

Compartilhe