Foto: Reuters

O presidente Jair Bolsonaro não participará do Fórum Econômico Mundial que acontece em Davos, na Suíça. O ministro da Economia, Paulo Guedes, representará o governo brasileiro no evento que começa a partir do dia 21 de janeiro.

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, informou que o presidente e os assessores analisaram aspectos econômicos, de segurança e políticos e entenderam que não seria o momento para Bolsonaro participar do Fórum.

Além da participação em painéis do próprio Fórum, o ministro já tem agendados encontros com o presidente do UBS Group, com o presidente da Microsoft, e com o presidente da empresa de entregas UPS Internacional. Também estão previstas reuniões com o presidente do Canadian Pension Investment Board e com os CEOs da Arcelor Mittal e da Chevron.

Compartilhe