Foto : Pixabay/Divulgação

A América Latina e o Caribe enfrentam uma desaceleração econômica pelos últimos seis anos consecutivos. Nesta quinta-feira (12), a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL), apresentou seu “Balanço Preliminar das Economias da América Latina e do Caribe 2019” em Santiago, no Chile.

Segundo o relatório, os países apresentam um crescimento em 2019 de apenas 0,1% em média. Quando feitas projeções de crescimento para 2020, aproximadamente apenas 1,3% para a região em seu conjunto. Por fim, este é o período (2014-2020) de menor crescimento da região nas últimas sete décadas.

“Diante desse cenário, a região não suporta políticas de ajuste e requer políticas para estimular o crescimento e reduzir a desigualdade. As condições atuais precisam que a política fiscal se concentre em retomar o crescimento e em responder às crescentes demandas sociais”, disse a secretária-executiva da CEPAL, Alicia Bárcena.