Foto: Will Shutter/Câmara dos Deputados

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados debateu nesta quarta-feira (20), em comemoração ao Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, os avanços e desafios da luta antirracista no Brasil. 

Reconhecendo os 54% da população brasileira que se reconhecem enquanto pretos ou pardos, o colegiado reconhece o desafio nacional de valorizar e ter acesso ao patrimônio construído pelos povos africanos e seus descendentes, que tanto foram estruturais para a construção socioeconômica, política e cultural do país. A promoção de debates amplos e permanentes sobre a “pluralidade, diversidade e tradições do povo negro é um imperativo na luta antirracista”. 

O debate foi realizado em parceria com a Frente Parlamentar em Defesa da Escola Pública e em Respeito ao Profissional da Educação e contou com a presença da deputada Professora Rosa Neide (PT-MT), a deputada Benedita da Silva (PT-RJ), Elineide Rodrigues da Cruz, diretora do Sindicato dos Professores no Distrito Federal – Sinpro/DF, Catarina de Almeida Santos, Renisia Cristina Garcia Filice.

 

Compartilhe