Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministério da Saúde, por meio do Diário Oficial da União desta quarta-feira (16), liberou R$ 206 milhões para reforçar ações e medidas de estados e municípios para Atenção Primária e Vigilância à Saúde, ampliando a cobertura de vacinação. 

Os municípios que precisam do reforço financeiro precisam cumprir dois objetivos: alcançar 95% de cobertura da primeira dose da tríplice viral (que atua no combate de sarampo, rubéola e caxumba) até 1 ano de idade e informar às Secretarias de Saúde e ao Ministério sobre a situação do estoque de vacinas de poliomielite, tríplice e pentavalente. 

Semana passada a pasta lançou os “dez passos essenciais para vacinação”, que estabelecem procedimentos operacionais padrão nos serviços da Atenção Primária à Saúde. Os  municípios que atingirem de 90% a 94,9% da meta irão receber 75% do incentivo. Quem atingir igual ou superior a 95%, receberá 100% dos recursos. 

Compartilhe