Diogo Moreira/a2img

A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) lançou o edital da parceria público-privada (PPP) para ampliar a rede de esgoto para 87% até 2030, na região metropolitana do Rio Grande do Sul, que abrange 9 cidades: Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Eldorado do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Sapucaia do Sul e Viamão. 

Ao todo serão R$2,2 bilhões de investimentos em infraestrutura, sendo a maior PPP do estado do Rio Grande do Sul. A assinatura do contrato está prevista para março de 2020 e os reparos na rede de esgoto serão feitas no segundo semestre do ano que vem. Serão R$9,5 bilhões ao longo de 35 anos de contrato. 

“É uma solução importante para os nosso clientes da Região Metropolitana. Tratamento de esgoto é questão de saúde pública, valorização dos imóveis e preservação do ambiente. Os recursos que temos não atendem as exigências da sociedade no tempo esperado”, afirmou Alessandra Fagundes dos Santos, coordenadora do projeto.