Waldemir Barreto/Agência Senado

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ), em audiência pública nesta quinta-feira (11), debateu com o jornalista Glenn Greenwald do site The Intercept, sobre a liberdade de imprensa e a autenticidade das mensagens divulgadas pelo site no Brasil a respeito das conversas entre os procuradores e o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro. 

O senador Marcos do Val (Cidadania-ES) elaborou um pedido para que Greenwald entregasse o material jornalístico para a Polícia Federal brasileira ou para o FBI ou CIA, alegando não acreditar na perícia realizada pelo The Intercept. 

“Jornalistas na democracia não entregam material jornalístico para a polícia, para o governo ou para os tribunais, para ter permissão para publicar. Antes publicamos. Temos peritos na nossa equipe. Tenho reputação. Não publicaria material sem verificar”, afirmou Greenwald. Disse ainda que “Sergio Moro está fingindo que tem amnésia. […].”

Compartilhe