Reprodução/SP Bancários

Uma nova linha de financiamento da Caixa Econômica Federal irá permitir que as Santas Casas e hospitais filantrópicos que atendem usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), fortaleçam o setor e melhorem a qualidade nos atendimentos e serviços prestados à população.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, assinou nesta terça-feira (2), a portaria que regulamenta a Lei Nº 13.832/2019, criadora do Programa FGTS Saúde. Ao todo, serão R$3,5 bilhões destinados a mais de 2 mil entidades filantrópicas.

Os recursos serão da Caixa Econômica Federal por meio da linha de crédito Caixa Hospitais FGTS, através do programa FGTS Saúde. O setor poderá solicitar empréstimos com juros de até 11,66% ao ano, menor que as do mercado, reduzindo a chance de inadimplência.