PF cumpre seis mandados de prisão em nova fase da Lava-Jato

Nesta quarta-feira (27) a Polícia Federal (PF) deflagrou a 22ª etapa da Operação Lava-Jato, chamada de Triplo X. Estão sendo cumpridos 23 mandados judiciais: seis de prisão temporária (com cinco dias de validade), 15 de busca e apreensão e dois de condução coercitiva. Uma publicitária foi presa. Os mandados acontecem nas cidades de São Paulo, Santo André, São Bernardo do Campo e em Joaçaba (Santa Catarina). O alvo da investigação são obras da Bancoop (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo), cooperativa dos bancários que foi presidida pelo ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto. (O Globo)

Dólar opera em queda à espera de decisão sobre juros nos EUA

Hoje o dólar opera em nova queda, com a percepção de que o Fed (Federal Reserve, o banco central dos Estados Unidos) deve adotar um tom cauteloso diante de sinais de fraqueza na economia global quando anunciar sua decisão sobre os juros nesta tarde. Há pouco, o dólar à vista (referência para o mercado financeiro) recuava 0,40%, a R$ 4,0432, enquanto a cotação comercial (usada em operações de comércio exterior) caía 0,66%, a R$ 4,0426. (Folha)

PF aponta ‘alto grau de suspeita’ sobre tríplex que seria de Lula

A Polícia Federal incluiu o triplex 164-A, que seria da família do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Edifício Solaris, no Guarujá, litoral de São Paulo, no rol de imóveis com “alto grau de suspeita quanto à sua real titularidade” sob investigação na Operação Triplo X – 22ª fase da Lava Jato – deflagrada nesta quarta-feira, 27. (Estadão)