Início Home Moraes determina que perfis apaguem posts que ligam PCC e PT

Moraes determina que perfis apaguem posts que ligam PCC e PT

As publicações foram compartilhadas pelos perfis do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), dos deputados federais Otoni de Paula (MDB-RJ) e Carla Zambelli (PL-SP), além de outros perfis bolsonaristas

Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, determinou na noite de domingo (17) a retirada de publicações nas redes sociais com fake news envolvendo a ligação entre a facção criminosa do Primeiro Comando da Capital (PCC), o PT e o assassinato do então prefeito de Santo André Celso Daniel em 2002.

A decisão também manda excluir postagens com montagens de uma fala do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva igualando pobres a papel higiênico e sugerindo a existência de uma associação entre o PT, o fascismo e o nazismo.

As publicações foram compartilhadas pelos perfis do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), dos deputados federais Otoni de Paula (MDB-RJ) e Carla Zambelli (PL-SP), no site Jornal da Cidade Online e outros perfis bolsonaristas.

A multa, em caso de descumprimento, é de R$ 10.000 por dia. Alexandre de Moraes também determinou que os citados na ação deixem de fazer novas postagens ou compartilhamentos sobre os conteúdos questionados.