Início Governo Semana Brasil-OCDE: Reforço na agenda brasileira de reformas estruturantes

Semana Brasil-OCDE: Reforço na agenda brasileira de reformas estruturantes

Secretário do Ministério da Economia avalia que ingresso na OCDE ajudará aumento da produtividade no país

Marcelo Guaranys, secretário-executivo do Ministério da Economia. Foto: Edu Andrade/Ascom/ME

Outro destaque na Semana Brasil-OCDE, aconteceu na última quinta-feira (23), o secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, representou o ministro Paulo Guedes na 4ª Cúpula Ministerial sobre Produtividade.

Guaranys, analisou que o ingresso na Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), ajudará o Brasil a avançar na implementação das políticas públicas que vêm sendo coordenadas pelo Ministério da Economia, cuja essência é a busca pelo aumento da produtividade.

Também estiveram presentes o secretário-geral da OCDE, Mathias Cormann, o ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira, o representante permanente do México na OCDE, Sybel Galvan, e o delegado do Brasil junto a organizações internacionais econômicas em Paris, embaixador Carlos Márcio Cozendey.

O secretário Guaranys, reforçou que o governo federal tem trabalhado em um conjunto de reformas para que o país ganhe competitividade centradas no controle de gastos e no aumento da produtividade.

Também foi citado pelo secretário diversos avanços como: na digitalização dos serviços públicos; a melhoria regulatória; a aprovação dos novos marcos legais; as reduções de impostos, mencionando o imposto de importação e o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); as medidas de facilitação do acesso ao crédito para os empreendedores, destacando as ações voltadas às mulheres empreendedoras, como a caravana do Brasil pra Elas, parte do programa Crédito Brasil Empreendedor; e as iniciativas de sustentabilidade ambiental, como o Programa de Crescimento Verde e a Cédula de Produtor Rural Verde (CPR Verde).