Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Segundo o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, estão sendo estudadas quais mudanças podem ser feitas na lei das estatais e se o instrumento ideal seria uma Medida Provisória.

“Estamos aguardando quais mudanças devem ser feitas, se podem ser feitas por MP e se o governo tem vontade política para isso”, declarou Barros.

Segundo o deputado, técnicos do Palácio do Planalto se debruçam sobre o tema e avaliam as limitações impostas pelo artigo 173 da Constituição, que delega a regulamentação das diretorias das empresas públicas a lei complementar. “É preciso conciliar as amarras da lei com o papel social da Petrobras”, declarou.

Autor

  • Editora-chefe na Arko Advice, desde fevereiro de 2022. Antes, atuou como repórter de política na CNN Brasil. Foi correspondente internacional em Nova Iorque pela Record TV. Atua em redação há 18 anos.