Sancionada lei que moderniza o marco regulatório das ZPEs
O presidente Jair Bolsonaro durante solenidade de Ação de Graças, no Palácio do Planalto. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PL) lidera a disputa ao Palácio do Planalto no Rio Grande do Sul (RS). Segundo a pesquisa divulgada hoje (21) pelo instituto Paraná, Bolsonaro tem 40,1% das intenções de voto. O ex-presidente Lula (PT) aparece em segundo lugar com 34,2%.

O terceiro colocado é o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) com 6,4%. O ex-governador João Doria (PSDB-SP) tem 2,1%. A senadora Simone Tebet (MDB) registra 0,9%. Os demais candidatos somam 2,3%. Brancos, nulos e indecisos atingem 13,9%.

Apesar da liderança de Bolsonaro no RS, a avaliação negativa (ruim/péssima) do governo é de 48,6%. Por outro lado, a avaliação positiva (ótimo/bom) atinge 36,8%. E o índice regular atinge 18,9%.

A liderança de Jair Bolsonaro entre os gaúchos já era esperada, já que a região Sul é um importante reduto do agronegócio e também do bolsonarismo. Nas eleições de 2018, por exemplo, Bolsonaro obteve 52,6% dos votos válidos no primeiro turno e 63,2% no segundo turno.

A vantagem de Bolsonaro sobre Lula no RS é positiva para o ex-ministro Onyx Lorenzoni (PL) e o senador Luis Carlos Heinze (PP), que são pré-candidatos a governador e apoiam o presidente. A liderança de Bolsonaro entre os gaúchos também ajuda o vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos), que concorrerá a senador na chapa de Onyx.