André Valentim/Divulgação Petrobrás

A Comissão De Minas e Energia da Câmara foi instalada diante de temas considerados sensíveis e urgentes para a população. O colegiado presidido pelo deputado Fabio Schioschet (União Brasil – SC) terá como foco principal debater a redução no preço dos combustíveis e da energia elétrica. Segundo o Schioschet declarou à Arko Advice, o trabalho da CME não será impossibilitado por se tratar de ano eleitoral e matérias consideradas urgentes para a população terão total prioridade. “É um absurdo o preço do gás, da gasolina, da energia. Vamos deixar bandeiras partidárias de lado e vamos focar em, de fato, mudar o dia a dia do brasileiro”, declarou.

A Comissão já tem agenda prevista para os próximos dias. Na semana que vem, Schioschet antecipou à Arko Advice que pretende convocar audiência pública para ouvir o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Em seguida, será a vez do presidente da Petrobras, José Mauro Ferreira Coelho.

Além disso, foi solicitado à equipe técnica um levantamento sobre os projetos que aguardam apreciação. Diante do que for apresentado, ele vai decidir a ordem de prioridade e também a escolha dos relatores. Uma das preocupações é destravar temas, nem que para isso seja necessário trocar a relatoria de determinadas matérias. “O relator não pode sentar em cima a seu bel-prazer, para defender interesses específicos. Ele terá que ter prazo. Vou avocar a relatoria das matérias paradas e escolher novo relator, se for preciso”, afirmou.

Autor

  • Editora-chefe na Arko Advice, desde fevereiro de 2022. Antes, atuou como repórter de política na CNN Brasil. Foi correspondente internacional em Nova Iorque pela Record TV. Atua em redação há 18 anos.