O memorando tem o objetivo de estreitar o intercâmbio de tecnologia e informação no setor. - Foto: Mapa

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) firmou compromisso de cooperação agrícola com o Ministério da Agricultura e Cooperativas da Tailândia. Para o governo brasileiro, a união dos dois países significa estreitar o intercâmbio de tecnologia e informação para o setor.

O compromisso foi assinado na última quarta-feira (16) pelo Ministro da Agricultura e Cooperativas da Tailândia, Chalermchai Sreeon, na presença do embaixador do Brasil em Bangkok, José Borges dos Santos Júnior. A ministra Tereza Cristina assinou o memorando no dia 11 de março.

O documento relaciona a área de atuação e cooperação, sendo elas: animais, aquáticos, vegetais, solo, gestão dos recursos hídricos e cooperativas. Além do desenvolvimento de cooperativas agrícolas e de instituições de agricultores, e a gestão e conservação da biodiversidade agrícola.

Há também o manejo integrado de pragas e engenharia ecológica. O compromisso relaciona ainda a energia alternativa, incluindo processo e gerenciamento de produção.

Formas de cooperação

De acordo com o governo, a cooperação será realizada de forma que possibilite o intercâmbio de informações, de técnicos e pesquisadores; treinamento, cursos, seminários, elaboração de projetos de assistência técnica, visitas de estudo e outros assuntos de mútuo interesse.

A cada dois anos será instituído, de maneira alternada nos dois países, um Grupo de Trabalho Agrícola Conjunto que será responsável por cumprir os dispositivos no compromisso. O Plano de Trabalho será elaborado, conjuntamente, a partir da 1ª reunião do GTAC.

O memorando terá validade de cinco anos e poderá ser prorrogado por períodos de mais cinco anos.

Relações bilaterais

Hoje, a Tailândia é o maior importador de produtos do agronegócio brasileiro do Sudeste Asiático.O que representa para o Brasil uma participação no comércio tailandês de 2,09%, e coloca a Tailândia entre os cinco maiores importadores de produtos do agronegócio brasileiro no ano de 2021, segundo dados do AgroStat – 2021.

No ano passado, o Brasil importou US$ 217.853.574 em produtos do agronegócio tailandês, destacando a borracha natural, que significou 80% das importações, seguidos de arroz, óleos e extratos vegetais, sementes e pet food.