(Budapeste - Hungria, 17/02/2022) Presidente da República Jair Bolsonaro acompanhado do Primeiro-Ministro da Hungria, Viktor Mihály Orbán, acompanham a Assinatura de atos Internacionais. Foto: Alan Santos/PR

Após visita à Rússia, o presidente Jair Bolsonaro participou de assinaturas de acordos com a Hungria. Na última quinta-feira (17), Bolsonaro esteve no país europeu onde foi recebido pelo presidente do país, János Áder, e também pelo primeiro-ministro Viktor Orbán.

No mesmo dia, Bolsonaro e Orbán participaram de cerimônia de Troca de Atos Internacionais. Em declaração, o presidente Jair Bolsonaro disse que considera a Hungria um grande “pequeno irmão”.

“Pequeno se levarmos em conta as nossas diferenças nas respectivas extensões territoriais e grande pelos valores que nós representamos, que podem ser resumidos em quatro palavras: Deus, pátria, família e liberdade”, afirmou o presidente do Brasil.

Segundo o presidente, a reunião foi útil devido à assinatura de alguns acordos e protocolos de intenções.

O ministro da Defesa, Braga Netto, e seu homólogo húngaro, Tibor Benko, assinaram um memorando de entendimento sobre cooperação no âmbito da defesa.

O ministro das Relações Exteriores, Carlos França e Péter Szijjártó, ministro das Relações Exteriores e Comércio da Hungria, assinaram um memorando para a promoção de ações humanitárias e outro para a gestão de recursos hídricos e saneamento das águas.

De acordo com levantamento divulgado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, os principais produtos brasileiros exportados para a Hungria são itens da indústria de transformação, como couro e tabaco.