Presidente da República Jair Bolsonaro. Foto: Alan Santos/PR
O Diretório Nacional do PL deve se reunir, nesta quarta-feira (17), às 15h, na sede nacional do partido, em Brasília, para debater a situação de filiação do presidente Bolsonaro ao partido.
No domingo (14), o presidente do partido Valdemar Costa Neto anunciou o adiamento do ato de filiação de Bolsonaro, inicialmente previsto para 22 de novembro.
De acordo com o senador Wellington Fagundes (MT), o principal ponto apresentado pelo presidente Jair Bolsonaro é o apoio a Rodrigo Garcia (PSDB) ao governo de São Paulo, que é do mesmo partido de João Dória, pré-candidato à presidência em 2022.

O deputado Marcelo Ramos (AM), vice-presidente da Casa, é contra a filiação de Bolsonaro. Em conversa com a Arko Advice, o deputado considera deixar o PL caso o presidente entre no partido. “Meu desejo é continuar no partido, mas se ele se filiar vou ter que discutir os termos da minha permanência”, disse.

Saiba mais

Bolsonaro suspende filiação ao PL
PL anuncia filiação de Bolsonaro para o dia 22


Cliente Arko fica sabendo primeiro

Assine o Arko Private, serviço Arko para pessoa física, e tenha acesso exclusivo a um canal privado de interatividade e alertas em tempo real, além de relatórios, Lives Exclusivas e eventos especiais com figuras notáveis da nossa rede de contatos.