Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

Walker Lahmann, diretor executivo de Relações Institucionais e Novos Mercados da Eurofarma, assumiu a presidência do Conselho Empresarial Brasil-Chile (Cebrachile). O Conselho foi criado em 2020 pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Sociedade de Fomento Fabril (Sofofa). A internalização do acordo de livre comércio assinado entre os dois países em 2018 é uma das prioridades da gestão de Lahmann.

Um acordo de livre comércio entre Chile e Brasil existe desde 1996, firmado através do Mercosul, o ACE 35 eliminou barreiras tarifárias de importação para todos os bens comercializados entre os dois países. Em 2018 uma ampliação do acordo foi firmada com objetivo de aprofundar as relações bilaterais.

O acordo ampliado depende do aval do Congresso Nacional. Os deputados federais aprovaram o texto em junho de 2021 e agora aguarda apreciação dos senadores. Segundo estimativas da CNI, uma vez em vigor, o novo acordo trará aos empresários brasileiros um potencial mercado estimado de US$ 11 bilhões por ano no Chile.

Lehmann ressaltou outras necessidades na agenda bilateral que estão no radar do setor: 1) Atualização do acordo com o objetivo de evitar dupla tributação entre Brasil e Chile, em concordância com o modelo da OCDE, redução do IRRF em operações transfronteiriças em remessas de recursos para pagamento de serviços e royalties e financiamentos bilaterais; 2) Conclusão do Plano de Trabalho Conjunto objetivando negociar o Acordo Regional de Reconhecimento Mútuo de Operador Econômico Autorizado; 3) Avanço da implementação da certificação de origem digital; e 4) Restabelecimento do sistema de solução de controvérsias da OMC, com celebração de novos acordos na MC12, como facilitação de investimentos e comércio eletrônico.

O Chile é o segundo maior parceiro comercial na América do Sul e é considerado um mercado estratégico para a indústria brasileira. A corrente de comércio entre as duas economias somou US$ 6,7 bilhões no ano de 2020. O Cebrachile é um mecanismo que reúne empresas, grupos empresariais e entidades representativas para articular a defesa de interesses do setor empresarial brasileiro, promovendo a interlocução entre empresas brasileiras, o governo brasileiro e as instâncias governamentais chilenas.

O novo presidente do Conselho, Walker Lahmann é formado em medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e especialista em oftalmologia. Ele também possui um MBA em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e pós-graduação pela Fundação Dom Cabral. Atuou em diversas empresas do setor farmacêutico, especialmente nos setores de marketing, vendas, inovação e novos negócios. Além disso, dedicou-se a entidades industriais e hoje é diretor executivo da Eurofarma.


Cliente Arko fica sabendo primeiro

Assine o Arko Private, serviço Arko para pessoa física, e tenha acesso exclusivo a um canal privado de interatividade e alertas em tempo real, além de relatórios, Lives Exclusivas e eventos especiais com figuras notáveis da nossa rede de contatos.